SABEDORIAS ANCESTRAIS: O PUERPÉRIO E A QUARENTENA


Avó, como posso ultrapassar esta quarentena?

"Minha filha, a quarentena é um período especial, misterioso e sagrado. Nos meus dias, os recém-nascidos só podiam sair de casa pela primeira vez após o 40º dia de vida. É um período de espera e preparação para uma nova vida.

É o período que produz uma grande mudança ". E como nos podemos preparar para essa mudança?

"Com AÇõES SIMPLES, GENUÍNAS e AMOROSAS. Todas as manhãs penteia os teus cabelos longos com dedicação e LIBERTA todos os nós, mesmo os mais ocultos que sempre negligenciaste. É hora de colocar todos os nós no pente. Depois, dedica-te a desembaraçar até os teus queridos novelos. Com paciência, tentarás encontrar o fim do novelo, o ponto de partida exato do fio. Já com essas ações simples, mas poderosas, criarás ORDEM FORA e DENTRO de ti. Desfazendo nós físicos com as tuas mãos, vai-te permitir começar a tocar nos teus nós internos". E depois de desfazer os nós, o que posso fazer, avó?


REMOVA TODAS AS PARTES QUE NÃO SÃO FÉRTEIS. Em muitos ritos funerários dos povos antigos, acredita-se que o falecido deixa o corpo inteiramente no 40º dia após a sua morte. Nesses 40 dias, minha filha, corta os cabelos, elimina as roupas que já não usas há muito tempo ou que não desejas usar mais, abre bem as janelas da tua casa para deixar sair o ar viciado, cultiva novos pensamentos abandonando o antigo, dedica-te a criar novos hábitos, novos costumes, novas tradições ".

.

Avó, temo que após este isolamento nada mude. O homem esquece rapidamente ...

.

"Como os outros reagirão a esta quarentena não é da tua conta. ASSUME O COMPROMISSO DE MUDAR E NÃO TE ESQUEÇAS. Certifica-te de que esta tempestade te abane tanto que revolucione completamente a tua vida."

Elena Bernabé, Culturas de Povos Indígenas. Abril, 2020

.

2 visualizações0 comentário